Skip to Content

Albinos cobram políticas públicas e fim do preconceito

  • user warning: Table 'ranp3.scheduler' doesn't exist query: SELECT * FROM scheduler WHERE nid = 8714 in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/scheduler/scheduler.module on line 497.
  • warning: Parameter 2 to genericplayers_swftools_flashvars() expected to be a reference, value given in /data_cpro6462/ranp/public_html/includes/module.inc on line 476.
  • strict warning: Non-static method view::load() should not be called statically in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/views.module on line 906.
  • strict warning: Declaration of views_handler_argument::init() should be compatible with views_handler::init(&$view, $options) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/handlers/views_handler_argument.inc on line 744.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_validate() should be compatible with views_plugin::options_validate(&$form, &$form_state) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 134.
  • strict warning: Declaration of views_plugin_row::options_submit() should be compatible with views_plugin::options_submit(&$form, &$form_state) in /data_cpro6462/ranp/public_html/sites/all/modules/views/plugins/views_plugin_row.inc on line 134.

Está faltando algum conteúdo do Flash que deveria aparecer aqui. Talvez seu navegador não possa exibi-lo. Instale a última versão do Flash em seu computador, ou atualize sua versão.

(1'50'' / 431 Kb) - Resultado de uma herança genética rara, o albinismo se caracteriza pela ausência de pigmentação na pele e nos olhos. A falta de melanina torna os portadores vulneráveis, tornando obrigatório o uso de protetor solar. Dependendo do fator de proteção, o produto pode custar a partir de R$ 30, o que faz aumentar a incidência de câncer de pele em pessoas de baixa renda.

Para o professor Roberto Biscaro, portador de albinismo, a falta de investimentos em prevenção gera gastos maiores com o tratamento das doenças de pele.

 “Se a pessoa não usou protetor solar porque não tem dinheiro para comprar, quando desenvolve o câncer de pele, ela vai procurar atendimento público. Não é apenas a dor e o desconforto do tratamento, mas também o custo que isso representa para os cofres públicos. O ideal seria se estado bancasse a distribuição de protetor solar.

Em agosto de 2009, entrou em tramitação na Assembléia Legislativa de São Paulo um Projeto de Lei do deputado Carlos Gianazzi (Psol), que prevê a distribuição de protetor solar e óculos escuros para os albinos, custeados pelo governo de São Paulo. Na Bahia, uma mobilização da Associação das Pessoas com Albinismo (APALBA) garantiu que estado assumisse esse compromisso em 2006.

Doutor em dramaturgia, o professor Roberto é editor de um blog na internet, que busca combater o preconceito contra os portadores de albinismo.

“Uma das lutas do blog, da causa albina e de todas as outras causas de grupos minoritários é no sentido de conscientizar para diminuir a violência e o preconceito. Acredito que quanto mais visível a gente se torna, a tendência talvez seja a nossa aparência se tornar mais rotineira.”

Outras informações sobre o albinismo podem ser acessadas no blog: www.albinoincoerente.com

De São Paulo, da Radioagência NP, Jorge Américo.

01/06/10

Obs: Em breve a Radioagência NP irá publicar a entrevista completa com o professor Roberto Biscaro.